Quais são os pontos turísticos da cidade maravilhosa?

O Rio de Janeiro é uma das maiores cidades do Brasil. É um destino cheio de charme que abriga muitos pontos turísticos a serem descobertos pelos visitantes.

Apelidada de “a cidade maravilhosa” por seus habitantes, esta cidade é um verdadeiro quebra-cabeça geográfico com uma sucessão de baías, praias esplêndidas e montanhas.

Ao visitar o Rio de Janeiro, você descobrirá uma metrópole dinâmica localizada no coração de um belo cenário, formada por colinas e exuberantes florestas tropicais, além de inúmeras baías marinhas e um mar de águas turquesa rodeado por areia branca.

O município também é um ótimo lugar para morar, por isso apartamentos na planta no Rio de Janeiro são muito procurados por turistas.

Confira alguns dos pontos turísticos da cidade maravilhosa

 

Cristo Redentor

O Cristo redentor tem 38 metros de altura, é impossível vim ao Rio e não visitar. O acesso pode ser feito de carro, vans para transporte ou até mesmo de trenzinho por dentro da floresta.

O Sambódromo da Marquês de Sapucaí

Revestida por arquibancadas de concreto, esta “pista de samba” com 800 m de extensão foi construída em 1984 em homenagem ao Marquês de Sapucaí e para receber o prestigioso carnaval carioca. Fora deste período, esta avenida é aberta ao tráfego e tem na sua extremidade sul um museu dedicado ao samba encimado por um duplo arco.

Escadaria de Selarón

É uma obra arquitetônica, construída em homenagem ao povo brasileiro, uma escada de 125 metros de comprimento e 250 degraus. Ocupando os bairros da Lapa e Santa Teresa, os degraus são decorados com mais de 2.000 azulejos, cerâmicas e espelhos de mais de 60 países.

O jardim botânico do Rio de Janeiro

Aos pés do Corcovado, os 141 hectares desse jardim abrigam exemplares da flora brasileira e mundial. Você apreciará notavelmente palmeiras imperiais, cactos americanos, uma estufa de plantas carnívoras, uma floresta de bambu e um pavilhão de 400 samambaias, além do incrível orquidário.

Copacabana

Copacabana é uma praia mundialmente famosa no Rio de Janeiro. Este é o centro das festas, um reflexo do espírito da cultura do carioca, alegre, positiva e incendiária. As famosas figuras de areia dão um sabor adicional a Copacabana.

Talvez o bairro mais querido para quem deseja investir na cidade, por isso a procura por apartamentos novos cresce a cada dia.

Floresta da Tijuca

A Floresta da Tijuca no Rio é considerada a maior “floresta urbana” do mundo. Sua área é de 32 km. O próprio nome é traduzido do idioma tupi como “pântano” e está associado à lagoa da Tijuca, na atual Barra da Tijuca.

Maracanã

O Estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro, não é apenas uma das maiores instalações esportivas do país, mas também um verdadeiro marco da cidade. A instalação foi construída há mais de 60 anos para a Copa do Mundo FIFA no Brasil, mas ainda hoje é incrível.

Mosteiro de São Bento

Situado no morro de mesmo nome (“Morro de São Bento) no centro do Rio, o Mosteiro de São Bento é um exemplo impressionante da arquitetura colonial brasileira. E o interior da igreja do mosteiro merece uma visita obrigatória, as esculturas são talhadas em madeira.

Museu de Arte Contemporânea do Rio de Janeiro

O Museu de Arte Contemporânea do Rio de Janeiro (MAM) está localizado na parte nordeste do Parque do Flamengo, na área Centro. Seu surgimento coincidiu com o desenvolvimento do parque: o prédio de concreto do museu, projetado por Alfonso Eduardo Reidi, foi concluído em 1955.

Praia de Ipanema

Ipanema é a segunda praia mais popular (depois de Copacabana) do Rio de Janeiro. Está localizada na Zona Sul da cidade e é considerada uma das áreas mais seguras e ricas do Rio de Janeiro. Ipanema é traduzido da língua tupi como “praia ruim”, o que não corresponde nem um pouco à realidade.

Biblioteca Real Portuguesa

Na verdade, existem duas bibliotecas famosas no Rio, uma mais bonita que a outra. Mas o portuguesa é ainda mais famosa. Seu prédio não é muito monumental, mas muito reconhecível foi filmado muitas vezes.

Catedral de São Sebastião

A Catedral Metropolitana (também conhecida como Catedral de São Sebastião) no Rio parece uma pirâmide maia, um arranha-céu metropolitano ou a chaminé industrial de uma usina, tudo menos uma catedral. E é isso que o torna um das mais interessantes da América do Sul.

Forte de Copacabana

O Forte de Copacabana é um excelente exemplo da transformação de uma instalação militar e até divertida. No início do século XX, foi erguido para proteger a cidade sobre um promontório, local ideal para a artilharia costeira. O forte costumava ser o local de eventos significativos durante as guerras civis.

Museu de Arte

O Museu Nacional de Belas Artes do Rio de Janeiro foi oficialmente fundado em 1937 por iniciativa do então Ministro da Educação e inaugurado um ano depois. É verdade que a própria coleção surgiu muito antes, no início do século 19, quando a corte portuguesa se mudou para o Brasil.

Estes foram apenas alguns pontos turísticos, pois são incontáveis, o Rio de Janeiro merece sua visita.

, , , , , , ,

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

twenty + 9 =